segunda-feira, 18 de março de 2019

Não confie em ninguém para guardar seus arquivos

Diga a verdade, prezado leitor que guarda seus arquivos pessoais, ou da empresa - textos, fotos, bancos de dados , planilhas, etc  - em algum serviço da Internet: Você leu com atenção aquele imenso texto de "Termos de Serviço" ou só clicou no "Aceito"?

Ah, leu os "Termos de Serviço"? Então me diga, o que acontece se eles perderem seus arquivos? Quanto eles vão lhe pagar se eles perderem o seu banco de dados de clientes? E se sumirem todos os seu projetos dos últimos cinco anos?  E, se é que existe um valor, ele cobre o dano?

Infalível. Até o dia que dá pau.
Nesse momento o caro leitor pode estar pensando "Mas isso nunca acontece, essas empresas da Internet tem sistemas de segurança para não perder arquivos de clientes... ", bem, pense de novo.

Essa semana por exemplo, o site TechCrunch divulgou que a rede social MySpace pode ter perdido cerca de dez anos de músicas de clientes armazenadas por eles[1]. Nada demais? Se o cliente era músico profissional e usava o serviço para trabalho, pode ser uma bela dor de cabeça.

Sólido como uma nuvem
Sabemos que esses serviços "em nuvem" ("Cloud") - você não precisa se preocupar com quais computadores físicos prestam o serviço, eles estão espalhados pela Internet - são super úteis. Para muitos usos fica mais prático e fácil guardar arquivos na "nuvem" da Internet do que guardá-los localmente na sua casa ou escritório. Você pode acessá-los de qualquer lugar que tenha uma conexão para a Internet e não é preciso se preocupar com ter computadores só para armazenar arquivos, o tamanho da memória deles, a segurança de seu acesso e outras chatices da vida.

Claro que os provedores de armazenamento na Internet tem sofisticados sistemas de redundância e segurança e se esforçam para nunca perder nada, mas se avião de última geração cai, foguete espacial explode, usina nuclear vaza e outros sistemas de tecnologia de ponta falham, não haveria de ser só a turma do Vale do Silício que nunca erra.

Na nossa opinião, você não deveria supor que os serviços que armazenam seus dados na Internet são infalíveis, que nunca pode acontecer problemas. Ou ainda, que se acontecer, o contrato de "Termos de Serviço" é tudo o que você precisa para dormir tranquilo.

Que fazer? 
Os especialistas de segurança recomendam que você tenha pelo menos 3 cópias de seus arquivos importantes, guardadas em lugares diferentes. Se alguém perder ou estragar uma cópia, ainda restam duas. Então, para se garantir, você pode por exemplo, armazenar seus arquivos importantes em 3 serviços diferentes  na Internet, ou então 2 de Internet e uma cópia local.

Você poderia, por exemplo, guardar simultaneamente seus arquivos na "nuvem" da Google, na da Amazon e na da Microsoft. Vai encarecer, mas o preço da paz, além da eterna vigilância, é meter a mão no bolso.

Finalmente o meteoro
Ah, mas se a Google, a Amazon e a Microsoft falharem todas no mesmo dia? Aí você não precisa mais se preocupar com seus arquivos. Provavelmente é o Apocalipse... 😉


[1] Myspace may have lost more than a decades worth of user music https://techcrunch.com/2019/03/18/myspace-may-have-lost-more-than-a-decades-worth-of-user-music/

Gostou do post?
Compartilhe! ↓ →